Patrimônio Despedaçado de São Paulo

Fevereiro 09 2009

Essa Igreja, pintadinha de nova, ao lado da Ordem, entregue às intempéries, é de o Francisco de Assis. Marcadas por um estilo simples, singelo até, foram erguidas em meados do séc. XVII, é hoje uma das poucas construções em estilo autenticamente colonial.

Pesquisando no site Sampart, encontrei a seguinte informação, cujos grifos são de miha responsabilidade: 

O Largo São Francisco é um caso típico de espaço definido pela apropriação do adro, que valoriza a presença de edifícios religiosos e acadêmicos.
Foi em meados do séc. XVII que iniciou-se a construção de um convento em taipa, por ordem da Ordem Franciscana, situado no extremo sul da Vila de Piratininga,
próximo às encostas do ribeirão Anhangabaú.
Em 1776, os frades franciscanos, incorporados ao convívio comunitário, criaram uma escola agregada ao convento. O ensino da teologia, da moral, da retórica e do latim, provocaram a vinda de um grande número de estudantes. Em 1827, decreto do governo imperial, instituiu a Faculdade de Direito, que deveria ser instalada no Convento São Francisco.   

Este prédio não existe mais. Foi substitudo pelo atual da Faculdade de Direito da USP.
Ao lado do desleixado patrimônio da Ordem de S. Francisco existe, ainda um belíssimo prédio residencial, abundantemente adornado com capitéis e volutas.


publicado por enniobrauns às 14:25

Patrimônio Despedaçado é um projeto documental e historiográfico do que resta do patrimônio mal conservado, de São Paulo. Concebido, pesquisado e fotografado por Ennio Brauns.
Fevereiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
13
14

15
16
17
19
20
21

22
23
26
27
28


pesquisar
 
pesquisar
 
blogs SAPO